Timor–Leste

Um morto nos arredores de Díli em consequência de distúrbios em Timor-Leste

Um morto nos arredores de Díli em consequência de distúrbios em Timor-Leste

Uma pessoa morreu hoje em Era, arredores de Díli, capital de Timor-Leste, em consequência de distúrbios que desde a noite de domingo são registados no país, disse o comandante da Polícia Nacional de Timor-Leste.

"Quando os agentes da Polícia Nacional de Timor-Leste (PNTL) chegaram ao local dos distúrbios encontraram uma pessoa ferida que foi transportada para o hospital, onde acabaria por morrer", disse Longuinhos Monteiro num contacto telefónico feito a partir de Macau.

O ferido que acabaria por falecer estava envolvido em confrontos entre grupos rivais e a polícia está agora a investigar para apurar as causas da morte.

O mesmo responsável salientou que os distúrbios começaram após o Conselho Nacional da Reconstrução de Timor-Leste (CNRT), o partido de Xanana Gusmão, que ganhou sem maioria absoluta as legislativas timorenses, ter anunciado ter convidado o Partido Democrático e a Frente Mudança para formar o próximo Governo, rejeitando uma coligação com a Fretilin.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG