Houston

"Vai embora, não me ajudes", disse jovem que morreu eletrocutado

"Vai embora, não me ajudes", disse jovem que morreu eletrocutado

Um homem de 25 anos é uma das mais recentes vítimas da tempestade tropical Harvey, que se abateu sobre os EUA. O jovem estava perto da casa da irmã quando sofreu um violento choque elétrico, na terça-feira.

Andrew Pasek, de 25 anos estava a caminho da casa da irmã, perto de Bear Creek Village, em Houston, para alimentar o gato, na companhia do amigo Sean Stuart. A zona foi fortemente afetada pelas cheias e os dois estavam a caminhar com água pelos joelhos, muito perto de um foco elétrico, que estava submerso.

Quando Andrew tocou acidentalmente no foco foi eletrocutado. Sean ainda tentou aproximar-se do amigo para o salvar, mas Andrew impediu-o para evitar que ele ficasse ferido. "Ele disse ao Sean: Estou a morrer, vai embora, não me ajudes", contou Jodell Pasek, mãe de Andrew, à "KPRC 2 News".

O próprio amigo, em declarações à "WFAA", revelou como viveu os últimos momentos de vida de Andrew. "Ele disse-me para o deixar. Para eu ir para o mais longe possível. E eu tive que fazer isso", revelou Sean Stuart.

A equipa de emergência apenas conseguiu aproximar-se do corpo do jovem uma hora depois do acidente, quando conseguiram desligar a eletricidade no interior da casa. Ainda o tentaram reanimar, mas não conseguiram."Ninguém o conseguiu tirar dali, ou aproximar-se dele. Foi impossível fazer a reanimação", lamenta Jodell

"Ele não pode ter morrido em vão"

Depois da morte que abalou a família, a mãe do jovem espera que as pessoas que foram afetadas pela tempestade Harvey tenham mais cuidado ao sair de casa. "Ele não pode ter morrido em vão. Queremos tornar isto público para que as pessoas tenham cuidado e para que saibam dos riscos que correm ao aproximarem-se de pontos de eletricidade submersos", alertou a mulher, em declarações à "KPRC 2".

De acordo com este órgão de comunicação social, a família tinha experimentado uma dor semelhante, quando perderam outro filho num acidente de carro, há poucos anos.

A tempestade já obrigou 32 mil pessoas a deixarem a casa só no Estado do Texas devido ao Harvey. Até ao momento, as autoridades contabilizam 38 mortos, mas os números podem aumentar face às pessoas que continuam desaparecidas.