O presidente da Turquia mantém uma posição inflexível, no que respeita à adesão da Suécia e da Finlândia à NATO. Manuel Molinos diretor-adjunto do JN analisa alguns dos argumentos que Erdoğan defende para travar esta adesão.

60 segundos

Análise JN: O travão da Turquia à adesão da Suécia e da Finlândia à NATO

Análise JN: O travão da Turquia à adesão da Suécia e da Finlândia à NATO

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG