Mais de 26 milhões de pessoas estão confinadas em Xangai, na China. A população tem protestado à janela por não conseguir aceder a comida e medicamentos, mas as autoridades usaram drones para silenciar as críticas.

Confinamento

Autoridades de Xangai usam drones para silenciar protestos à janela

Autoridades de Xangai usam drones para silenciar protestos à janela

As autoridades chinesas determinaram novas restrições devido à covid-19, como o impedimento de sair de casa, até para ir ao supermercado. As medidas entraram em vigor no dia 5 e há relatos desesperados que têm sido partilhados online, de quem não tem acesso a comida.

Apesar das medidas, foram registados mais de 20 mil novos casos de covid-19 naquela que é a "capital" financeira da China.

Para calar os protestos, foram lançados drones com mensagens para que as pessoas permanecessem dentro das suas casas e não cantassem às janelas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG