Sebastián Piñera fez um anúncio surpresa nesta terça-feira ao informar que dará urgência a um projeto que instaure o casamento igualitário no país, rejeitado por grande parte do seu Governo, uma coligação de partidos de direita.

Direitos

Em anúncio surpresa, presidente do Chile diz que "chegou a hora do casamento igualitário"

Em anúncio surpresa, presidente do Chile diz que "chegou a hora do casamento igualitário"

"Desta forma, todas as pessoas, sem distinção de orientação sexual, poderão viver o amor e formar família com toda a proteção e a dignidade de que elas precisam e merecem", acrescentou Piñera, que, em 2019, tinha descartado a ideia de impulsionar o projeto no Congresso.

Desde 2015 vigora no país o Acordo de União Civil, que legaliza as uniões de casais homossexuais, atribuindo obrigações e direitos iguais aos do casamento entre um homem e uma mulher, mas sem admitir, por exemplo, a possibilidade de adoção.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG