Junior Durski, dono de uma cadeia de restaurantes no Brasil, gravou um vídeo contra as medidas de isolamento no país que está a gerar polémica.

Polémica

Empresário brasileiro recusa parar por "cinco ou sete mil pessoas" que vão morrer

Empresário brasileiro recusa parar por "cinco ou sete mil pessoas" que vão morrer

O empresário diz que "não é por cinco ou sete mil pessoas" que vão morrer que o país deve parar.

O dono dos restaurantes Madero considera que a economia justifica que as medidas de isolamento não sejam implementadas comparando o número de mortes que podem acontecer por Covid-19 aos da violência ou da fome.

A mensagem está a circular nas redes sociais e já recebeu muitos comentários negativos, com pedidos de boicote aos restaurantes de Junior Durski.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG