As gôndolas retomaram os seus serviços no Grande Canal de Veneza com restrições e para transportar principalmente moradores, devido à longa ausência de turistas por causa da covid-19.

Itália

Gôndolas voltam ao Grande Canal de Veneza apesar da ausência de turistas

Gôndolas voltam ao Grande Canal de Veneza apesar da ausência de turistas

Itália vai abrir as fronteiras com a União Europeia, sem necessidade de quarentena, a partir de 3 de junho. A partir da mesma data será permitida a deslocação entre as diferentes regiões.

O decreto aprovado no sábado diz que as viagens a partir de e para o estrangeiro poderão apenas estar limitadas por medidas governamentais dos outros países e pelo "cumprimento das restrições decorrentes da regulamentação da União Europeia e de obrigações internacionais".

A medida tem como objetivo recuperar os fluxos turísticos no país durante o verão.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG