Milhares funcionários do aeroporto estão a condenar as agressões de um gangue a residentes de Yuen Long, esta sexta-feira. "Libertem Hong Kong" foi uma das frases mais ouvidas.

Violência

Funcionários de aeroporto de Hong Kong sentam-se no chão em protesto

Funcionários de aeroporto de Hong Kong sentam-se no chão em protesto

No domingo passado, vários passageiros foram atacados numa estação de metro de Yuen Long, alegadamente por membros de um gangue. As autoridades não terão protegido as vítimas e pelo menos 45 pessoas foram hospitalizadas.

Este sábado, está agendada uma manifestação cuja meta será a cidade de Yuen Long. A ação pró-democracia ainda foi autorizada.

Hong Kong tem sido palco de inúmeras manifestações desde junho. A polémica lei da extradição, que prevê a transferência de criminosos para a China, não reúne consenso.