Mesmo em pandemia, milhares de manifestantes encheram esta sexta-feira as ruas da capital da Polónia, em protesto contra a decisão judicial que proíbe o aborto em caso de malformação do feto.

Polónia

Milhares de pessoas a favor do aborto inundam ruas de Varsóvia

Milhares de pessoas a favor do aborto inundam ruas de Varsóvia

A lei foi aprovada na última quinta-feira e, desde então, milhares de polacos têm protestado contra a decisão do Tribunal Constitucional. Depois de a decisão entrar em vigor, só poderiam interromper a gravidez legalmente em caso de violação, incesto ou ameaça de vida ou saúde.

Mais de 400 mil pessoas participaram em manifestações pacíficas em todo o país na quarta-feira e muitos milhares seriam esperados esta sexta-feira na capital.

Devido às enormes manifestações dos últimos dias, o presidente da Polónia garantiu esta sexta-feira que iria propor um projeto de lei que reintroduzisse a possibilidade de interromper a gravidez devido a anomalias fetais.

Outras Notícias