Milhares de pessoas desfilaram este domingo pelo centro de Bruxelas, na Bélgica, contra o encerramento obrigatório das salas de espetáculo, cinemas e teatros devido à nova variante ómicron do vírus SARS-CoV-2.

Vídeo

Milhares protestaram contra o fecho de teatros e cinemas na Bélgica

Milhares protestaram contra o fecho de teatros e cinemas na Bélgica

Pelas ruas da capital, em clima de festa, apesar do dia cinzento e chuvoso, cerca de cinco mil pessoas, segundo dados da polícia, responderam ao apelo de trabalhadores e artistas para protestar contra as medidas acordadas entre o Governo e as regiões, na quarta-feira.

A Bélgica, que já tem medidas de contenção como o teletrabalho parcialmente obrigatório e o encerramento noturno de bares e restaurantes, proíbe a partir deste domingo grande parte das atividades culturais em espaços interiores, à exceção de museus e bibliotecas.

Apesar da proibição, dezenas de salas permaneceram abertas, desobedecendo às autoridades, para receber o público militante em prol do setor.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG