O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Ambulâncias do INEM velhas e sem segurança

Ambulâncias do INEM velhas e sem segurança

Liga aponta que há viaturas atribuídas aos bombeiros a circular com mais de 18 anos. Uma delas, em Albergaria, tem um milhão de quilómetros.

Uma ambulância do INEM confiada à corporação de Torre de Moncorvo, em Bragança, utilizada em operações de urgência e emergência, tem 18 anos. Outra em Albergaria, no distrito de Aveiro, já circulou mais de um milhão de quilómetros. Estes são alguns dos dados obtidos pela Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) num levantamento nacional sobre as ambulâncias do instituto confiadas a associações humanitárias e a corporações de bombeiros de todo o país. O presidente da LBP, António Nunes, quer que o INEM arranje uma solução e renove os protocolos.

"As ambulâncias com esta idade e com esta quantidade de quilometragem têm falta de segurança e de condições de trabalho", afirma ao JN António Nunes, que realça que o levantamento começou há uma semana e deverá estar concluído brevemente. Para António Nunes, a situação não é resolvida porque os corpos de bombeiros têm a "alternativa" de usar as ambulâncias que são sua propriedade, "as vermelhas", não ficando o socorro das populações em risco.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG