Info Praia

"App" sobre a lotação das praias não tem as ilhas

"App" sobre a lotação das praias não tem as ilhas

A aplicação para telemóvel que mostra a lotação das praias em tempo real não mostra as praias dos arquipélagos da Madeira e Açores.

A aplicação para telemóvel Info Praia tem, desde esta sexta-feira, a lotação em tempo real das praias e pode ser descarregada de forma gratuita. Na loja de aplicações da Google, surgiram logo críticas por parte dos utilizadores por a aplicação Info Praia, desenvolvida pela Agência Portuguesa do Ambiente, não mostrar as praias dos arquipélagos da Madeira e Açores.

A ferramenta permite mostrar em tempo real a lotação das praias à medida que as épocas balneares definidas por concelho arrancam. Hoje, Costa da Caparica, Algarve e Cascais são as primeiras zonas do país onde haverá nadadores salvadores e sinalética nos acessos.
Na Info Praia é possível definir as praias preferidas e pesquisar a partir da localização do telemóvel ou por concelho. Escolhida a praia, o banhista tem a opção de obter a direção através do Google Maps, que mostra o trânsito em tempo real e o tempo estimado de viagem. Também é possível filtrar a pesquisa por praias acessíveis, com bandeira azul, fluviais, com ocupação baixa, elevada ou plena, sendo nesta última desaconselhada a ida ao areal.
Na página inicial da Info Praia estão escritas as regras de segurança que devem ser observadas este ano na ida à praia, tais como usar calçado no acesso, máscaras nos sanitários e bares e manter as distâncias de segurança de 1, 5 metros no areal e na água entre pessoas e grupos.
É possível também consultar a afluência antes da viagem e escolher uma praia com menos gente. À saída, é recomendado que o banhista leve consigo o lixo e coloque as máscaras e luvas descartadas nos contentores indiferenciados.
Por todo o país, nas praias onde a época balnear não arranca este sábado, a Autoridade Marítima Nacional vai ter um dispositivo composto por militares da Marinha a patrulhar os areais.