Premium

Aposentações no Serviço Nacional de Saúde dispararam 58% em 2019

Aposentações no Serviço Nacional de Saúde dispararam 58% em 2019

No ano passado, 1392 profissionais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) aposentaram-se por todas as razões, um aumento de 58% face ao ano anterior (881). Do total de saídas por reforma, 410 são médicos, número bem superior ao registado no ano anterior (277).

Os dados foram adiantados ontem pela ministra da Saúde, Marta Temido, no debate parlamentar na especialidade sobre o Orçamento do Estado (OE) 2020.

As aposentações, um tema que causa "extrema preocupação" ao PCP, podem comprometer as ambições de melhorar a resposta do SNS aos utentes. Ainda assim, o Governo estima conseguir, este ano, dar médico de família a mais 200 mil utentes, afirmou ontem a ministra, confiante na retenção de "todos os especialistas em Medicina Geral e Familiar a quem proporcionamos formação". Tal não tem acontecido nos últimos anos, ficando dezenas de vagas por preencher.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG