Nacional

Assis diz que redução de deputados é demagogia

Assis diz que redução de deputados é demagogia

O líder parlamentar do PS, Francisco Assis, considera a discussão em torno da redução do número de deputados "demagogia pura, fácil e oportunista, dado o momento de crise em que vivemos".

Ao princípio da tarde, de hoje, quinta-feira, no final da reunião da bancada socialista, Assis lançou o desafio aos políticos para que tenham "especial cuidado em preservar a imagem da Assembleia da República", em particular em tempo de crise. E avisou que "é muito fácil denegrir os Parlamentos".

Está neste momento em subscrição pública uma petição, já assinada por mais de 20 mil pessoas, entre os quais Medina Carreira, para que essa redução seja levada a discussão na Assembleia da República. O social-democrata Mota Amaral, antigo presidente do Parlamento, já se manifestou a favor da iniciativa.

Ao comentar o abaixo-assinado, o líder parlamentar socialista sublinhou que "quem assina as petições não tem a mesma responsabilidade que os políticos".

"Uma coisa é o Parlamento, outra é a rua. No dia em que não houver essa distinção, a democracia estará em perigo", alertou.  

Ainda no final da reunião, Assis anunciou a marcação das jornadas parlamentares do partido para os dias 5 e 6 de Julho, com o objectivo de ser feita uma reflexão sobre a forma "como a Esquerda pode e deve responder à actual crise, mantendo os fundamentos do Estado social".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG