Boletim DGS

Aumento de internados com covid-19 em dia com 25 mortos

Aumento de internados com covid-19 em dia com 25 mortos

No dia em que Portugal assinala dois anos de pandemia, morreram 25 pessoas com covid-19 e foram confirmadas 8833 infeções por SARS CoV-2. Nos hospitais há mais 42 doentes internados.

Desde março de 2020, a Direção-Geral da Saúde (DGS) contabiliza um total de 21.111 óbitos associados à covid-19 e 3.282.457 casos de infeção.

PUB

Em 24 horas, registam-se mais 25 vítimas mortais (23 na terça-feira). A região Norte e a zona Centro reportaram cada uma nove mortos, Lisboa e Vale do Tejo mais três, assim como os Açores, e no Alentejo morreu um doente infetado pelo coronavírus.

A maioria dos doentes que faleceu tinha mais de 70 anos. Catorze tinham 80 ou mais anos (oito homens e seis mulheres) e nove estavam na faixa etária dos 70-79 anos (oito homens e uma mulher). Há ainda a lamentar a morte de um homem entre os 60-69 anos e outro entre 50-59 anos.

Desde o início da pandemia, morreram em Portugal 11.109 doentes do sexo masculino e 10.002 do sexo feminino. Destaque para os 13.680 óbitos acima dos 80 anos. Três crianças (até aos nove anos) também não resistiram.

Em relação aos 8833 casos diários (11.006 na véspera), Lisboa e Vale do Tejo apresenta o número mais elevado de notificações, com mais 3452 testes positivos, no Centro há mais 1663 casos e no Norte mais 1569. Os Açores têm mais 622 infeções, o Algarve mais 581, a Madeira mais 479 e o Alentejo mais 467.

Mais 679 pessoas conseguiram recuperar da infeção, elevando o total para 2.787.805.

Nos hospitais foram admitidos mais 42 doentes com covid-19, havendo agora 1400 internados. Em cuidados intensivos estão 90 pessoas em estado grave (menos seis).

Esta quarta-feira, o boletim epidemiológico da DGS sobre a evolução da pandemia dá conta de 473.541 casos ativos, ou seja, mais 8.129.

Em dia de atualização da matriz de risco, o índice de transmissibilidade por cem mil habitantes nos últimos 14 dias desceu para 1638,1 (1806,8 na segunda-feira) e o risco de transmissibilidade Rt subiu para 0,76 (0,75 na atualização anterior).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG