Reunião

Bloco defende que reforço do SNS é a melhor medida contra a covid

Bloco defende que reforço do SNS é a melhor medida contra a covid

Catarina Martins alertou o governo que não é possível continuar a adiar os cuidados de saúde não-covid e que sem meios também não se concretiza o reforço das vacinas.

"É preciso um reforço claro dos profissionais e dos meios no Serviço Nacional de Saúde (SNS) para dar resposta aos novos casos de covid-19, mas também aos casos não-covid", resumiu a líder do Bloco de Esquerda, à saída da audiência com o primeiro-ministro, esta terça-feira à tarde.

Preocupada com o grau de pressão nos hospitais e nos centros de saúde, ao mesmo tempo que aumenta a pressão na saúde pública, Catarina Martins defendeu que a aposta do governo tem de ser no reforço das condições do SNS "para que a vacinação chegue a todos e para prestar cuidados de saúde covid e não-covid de que a população precisa".

PUB

A líder do Bloco considerou que, ao contrário da primeira vaga, "não é possível continuar com a estratégia de parar os cuidados de saúde não covid" até porque "já vamos para dois anos de pandemia".

Catarina Martins recusou antecipar medidas de restrição que António Costa posta ter colocado em cima da mesa e manifestou-se despreocupada em relação ao momento político poder abrir portas ao avançar da pandemia. "O que transmiti ao governo é que a Constituição da República Portuguesa permite tomar as medidas que forem necessárias", resumiu.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG