Exclusivo

Bolsa de Terras só atrai terrenos pequenos

Bolsa de Terras só atrai terrenos pequenos

Benquerença tem a parcela mais diminuta dos 465 prédios disponíveis no país. É o retrato vivo do minifúndio e do desinteresse.

Oito anos e meio após o lançamento da Bolsa Nacional de Terras (BT), apenas 369 prédios rústicos, num total de 7600 hectares foram cedidos (vendidos, arrendados ou trocados). Lançada em maio de 2013 para ajudar proprietários a colocar terrenos que não conseguem cultivar e candidatos à lavoura ou à floresta ou a expandir as suas explorações, caiu no marasmo: há 465 prédios por ceder, num total de pouco mais de 1300 ha, e até as entidades promotoras estão descrentes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG