Exclusivo

Bombeiros aguardam pagamento pelo combate a incêndios rurais

Bombeiros aguardam pagamento pelo combate a incêndios rurais

A Liga de Bombeiros Portuguesa (LBP) relembrou que os bombeiros voluntários que integram o Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais (DECIR) continuam, até agora, a aguardar pelos pagamentos aprovados, em maio deste ano, na Diretiva Operacional Nacional 2022 - instrumento de gestão do orçamento público associado aos diferentes dispositivos operacionais da proteção civil.

Apesar de a ordem de trabalhos do Conselho Nacional de bombeiros, que decorreu durante a tarde de sábado, dia 24 de setembro, ter sido direcionada para a aprovação de uma organização operacional própria de bombeiros, António Nunes, presidente da Liga de Bombeiros Portuguesa (LBP), disse, em declarações ao JN, que esteve, ainda, em cima da mesa o atraso no pagamento das despesas no combate a incêndios rurais às associações de bombeiros por parte do Ministério das Finanças.

Até à data da reunião extraordinária, António Nunes apontou que as despesas ainda não tinham sido pagas. "Não houve nada a acrescentar quanto a essa situação", disse, revelando que a LBP já tinha tido conhecimento, embora de forma informal, que o Ministério das Finanças "teria libertado, durante a semana, a autorização para que isso pudesse acontecer"

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG