Exclusivo

Bombeiros e câmaras vão ter 122 milhões de euros para Proteção Civil

Bombeiros e câmaras vão ter 122 milhões de euros para Proteção Civil

As associações de bombeiros voluntários e os serviços de Proteção Civil das câmaras municipais vão ter 122 milhões de euros de fundos comunitários dos programas regionais do Portugal 2030 para gastar em equipamentos, prevenção de incêndios e sensibilização da população até 2027.

A informação consta de uma carta enviada pelo Governo a todas as câmaras municipais do país, a que o JN teve acesso. A missiva assinada pelo ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, e pela ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, insta os autarcas a aproveitarem a "oportunidade" e "elevarem a capacitação da Proteção Civil e dos bombeiros na antecipação, prevenção, combate e recuperação em face das ameaças e riscos de proteção civil com que Portugal se vê confrontado".

A dotação indicativa de 122 milhões de euros do Portugal 2030 para "meios materiais de proteção civil e gestão integrada do risco" financia o investimento em infraestruturas, sistemas de prevenção e meios de combate a incêndios, além do apoio na elaboração de planos locais e regionais de gestão de riscos. Inclui também o reforço da informação, sensibilização e competências em gestão de crises.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG