Exclusivo

Câmaras investem mais na iluminação de Natal

Câmaras investem mais na iluminação de Natal

Crise motiva maior distribuição de luzes pelos concelhos. Época também ajuda empresas de eventos, mas "não o suficiente". Comerciantes sem grande expectativa.

As câmaras do Grande Porto reforçaram o investimento em iluminação de Natal para este ano. O Porto volta a liderar, com uma verba de 395 mil euros para dar luz à quadra. No entanto, o concelho que regista o maior reforço é Matosinhos, onde as luzes de Natal custam cerca de 227 mil euros (aumento de 104 mil euros em relação ao ano passado). Segue-se Gondomar, com mais 74 mil euros disponíveis (totalizando 161 mil euros), e Gaia, com um aumento de 30 mil euros (chegando aos 330 mil euros). Também a Póvoa de Varzim decidiu reforçar a aposta na quadra em 29 mil euros (subindo para os 80 mil euros).

A subida dos valores justifica-se, sobretudo, com a vontade das autarquias em distribuir as iluminações por mais ruas e praças, para tentar ajudar os comerciantes a superar os efeitos negativos da pandemia no volume de negócio.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG