Exclusivo

Camas para bolseiros com financiamento a fundo perdido

Camas para bolseiros com financiamento a fundo perdido

Após um longo processo negocial entre os ministérios das Finanças e do Ensino Superior, o Governo publicou na noite de segunda-feira as regras de acesso às verbas do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) para reforço do alojamento estudantil.

Garantindo às instituições, mas também aos municípios, financiamento a fundo perdido, mas apenas quando estiver em causa alojamento para estudantes bolseiros deslocados. Num limite de 27 500€/cama na construção de novos edifícios e de 8500€/cama na renovação de residências já existentes.

Em cima da mesa está um pacote financeiro de 375 milhões de euros, dos quais 85 milhões a tutela quer libertar já no próximo ano com vista a adicionar sete mil camas. A portaria agora publicada resulta numa espécie de meio termo, depois das divergências entre tutelas: as Finanças defendiam empréstimos e o Ensino Superior subvenções.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG