Campanha

Debate na televisão fez candidatos reduzir presença nas ruas

Debate na televisão fez candidatos reduzir presença nas ruas

Feriado do 1.º de Maio, dia de sol e de muita gente nas ruas. Mas nem isso fez com que os candidatos dos 17 partidos que concorrem às europeias de 26 de maio apostassem nos contactos de proximidade.

O facto de na quarta-feira ter sido o primeiro debate nas televisões - na SIC, com os seis cabeças de lista dos partidos que atualmente têm assento no Parlamento Europeu - terá levado a que os principais cabeças de lista se tivessem resguardado. Mas houve exceções: a Festa das Cruzes, em Barcelos, que atrai dezenas de milhares de pessoas, foi procurada para a campanha de dois partidos (ver em baixo).

Pedro Marques, cabeça de lista do PS, não teve agenda, enquanto Paulo Rangel, cabeça de lista do PSD, esteve num evento promovido pela Concelhia de Lisboa, onde discursou ao almoço.

Nuno Melo também se juntou ao habitual almoço do 1.º de Maio do CDS na Costa da Caparica e João Ferreira, da CDU, foi à manifestação da CGTP. Marisa Matias, do BE, não acompanhou Catarina Martins. O próximo debate será dia 8 na TVI, no dia 9 na TSF, fechando na RTP no dia 20, sempre só com os seis.