Estarreja

Casal herói da A1 teve ano amargo

Casal herói da A1 teve ano amargo

JN foi encontrar Lucinda doente e Paulo desempregado, cinco meses depois de terem doado mil litros de água na autoestrada.

A história de Lucinda Borges e de Paulo Pereira, residentes em Avanca, Estarreja, correu o país, em agosto de 2016. Ou não tivessem sido eles o "casal herói" que distribuiu mais de mil litros de água, comprados com dinheiro do próprio bolso, aos automobilistas que estavam retidos na A1, devido a um incêndio. Mas, entretanto, a vida não lhes retribuiu o gesto solidário. Pelo contrário. Paulo perdeu o emprego, Lucinda adoeceu. E até o Natal, passado a dois, foi o mais triste de que têm memória.

Leia mais na edição e-paper ou na edição impressa

Leia a nossa Edição Impressa ou tenha acesso a todo o conteúdo no seu computador, tablet ou smartphone assinando a versão digital aqui

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG