Boletim DGS

Casos ativos voltam a subir em dia com menos internados

Casos ativos voltam a subir em dia com menos internados

Esta sexta-feira, há mais oito mortos por covid-19 e 841 novas infeções. Há menos 21 internados e menos cinco doentes graves.

Ao contrário de quinta-feira, a maior parte das novas infeções foi registada na região de Lisboa e Vale do Tejo (mais 282). Segue-se o Norte (215), Centro (110), Algarve (84), Alentejo (76), Açores (64) e Madeira (10).

Nos hospitais, há menos 21 pessoas internadas em enfermaria, num total de 332. Destes, 52 são doentes graves, menos cinco do que ontem.

Esta sexta-feira, há a lamentar oito mortes por covid-19: três em Lisboa e Vale do Tejo, dois no Norte, dois no Centro e um no Alentejo. Nas vítimas mortais, incluem-se um homem com idade entre os 40 e os 49 anos e outro homem na faixa etária dos 70 aos 79 anos. As restantes vítimas são três homens e três mulheres com mais de 80 anos.

A comparação dos dados desta sexta-feira com os da sexta-feira passada, 1 de outubro, mostram que há um aumento de infeções diárias: esta semana, há mais 145 novos casos do que na sexta-feira passada. Há também um aumento do número de óbitos - de quatro para oito.

Em relação às hospitalizações, enquanto a semana passada viu uma redução de nove pacientes internados, esta semana há menos 21. Além disso, na sexta-feira passada, havia mais um doente grave, enquanto hoje são menos cinco.

PUB

Esta quinta-feira, há ainda a assinalar um aumento do número de casos ativos - mais 136, num total de 30 054 - e a diminuição dos contactos em vigilância - menos 503, num total de 23 651. O boletim indica ainda que há mais 697 recuperados, num total de 1 026 028.

Em dia de atualização da matriz de risco, a incidência de novos casos por cem mil habitantes nos últimos 14 dias baixou de 90,5 para 86,5 e o risco de transmissibilidade R(t) subiu de 0,91 para 0,92 a nível nacional. A nível continental, a incidência diminuiu de 90,9 para 86,7 e o R(t) subiu de 0,90 para 0,91.

Portugal regista um total de 18 027 óbitos associados à doença covid-19 e 1 074 109 infeções pelos coronavírus SARS CoV-2 desde o início da pandemia no país, em março de 2020, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado diariamente pela Direção-Geral da Saúde.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG