Cavaco Silva

Cavaco na inauguração da "mais moderna fábrica de tijolos de África"

Cavaco na inauguração da "mais moderna fábrica de tijolos de África"

Os presidentes de Portugal e de Angola inauguraram hoje, terça-feira, no Cacuaco, a "mais moderna fábrica de tijolos de África", como a classificou a empresa Mota-Engil.

A Novicer resultou de um investimento de 354 milhões de dólares e vai ter uma produção mensal de dois milhões de tijolos.

António Mota, presidente da Mota-Engil, disse tratar-se de um contributo para o trabalho de reconstrução que Angola tem em curso e que irá exigir este tipo de produtos em grandes quantidades.

PUB

Cavaco Silva e José Eduardo dos Santos cortaram juntos a fita vermelha, ladeados por jovens com garrafas de champanhe Moet et Chandon, descerraram uma placa e accionaram o botão que colocou a empresa em funcionamento.

António Mota foi o único orador da cerimónia, tendo adiantado que até ao final do ano a Mota-Engil Angola irá deter o controlo de todas as actividades do grupo neste país africano.

O empresário aproveitou a ocasião para fazer uma referência à inauguração recente de um centro de formação profissional patrocinado pela Mota-Engil, que irá formar anualmente 150 técnicos de várias áreas.

A Novicer criou 99 postos de trabalho e está tecnicamente preparada para a produção, em breve, do chamado "tijolo termo acústico", actualmente não fabricado no continente africano.

O ministro angolano da Geologia, Minas e Indústria, Joaquim David, disse aos jornalistas que este projecto é exemplo do que as empresas estrangeiras podem fazer em Angola.

O político frisou, porém, que o seu país tem "dificuldades e barreiras a ultrapassar".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG