Premium

Centros de dia a meio gás: só metade reabre este mês

Centros de dia a meio gás: só metade reabre este mês

Apenas metade das 1500 estruturas do país, com cerca de 150 mil utentes, deve arrancar na próxima semana. Espaços e atividades estão a ser readaptados para garantir distanciamento.

À exceção da Área Metropolitana de Lisboa, que se mantém em situação de contingência, os centros de dia do país podem abrir as portas a partir deste sábado, embora os que funcionem com outras respostas acopladas precisem de uma avaliação prévia da Segurança Social e da autoridade de saúde local.

Por esta razão, a Confederação Nacional de Instituições de Solidariedade (CNIS) acredita que apenas metade das estruturas vai arrancar imediatamente. "E esta metade não começará com ocupação de 100%, mas talvez de 50%", adianta o dirigente, padre Lino Maia.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG