Exclusivo

Cerca de 65 mil antigos combatentes já não pagam transportes

Cerca de 65 mil antigos combatentes já não pagam transportes

Cerca de 65 mil antigos combatentes a residir nas Áreas Metropolitanas do Porto e de Lisboa já requereram o passe ao abrigo do Estatuto do Antigo Combatente, estando isentos do pagamento de transportes públicos. A medida entrou em vigor em novembro do ano passado e abrange ainda viúvas e viúvos de ex-veteranos da guerra.

A Norte, segundo os dados dos Transportes Intermodais do Porto, já foram disponibilizadas cerca de 42 mil assinaturas Andante. Na capital, a Transportes Metropolitanos de Lisboa (TML) tem registo de mais de 23 mil pedidos. "Em novembro e dezembro foram carregados mais de 19 mil e 17 mil passes, respetivamente", disse a TML.

A gratuitidade dos transportes públicos é um dos três benefícios concedidos no âmbito do cartão do antigo combatente que consagra ainda a isenção do pagamento de taxas moderadoras no Serviço Nacional de Saúde e a entrada gratuita em 25 museus, palácios e monumentos nacionais.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG