Movimento internacional

Conquistar as ruas para as crianças: o Kidical Mass chegou a Portugal

Conquistar as ruas para as crianças: o Kidical Mass chegou a Portugal

Há um movimento internacional chamado "Kidical Mass" que reivindica mais espaço e condições nas cidades para as crianças se deslocarem de bicicleta ou a pé, sobretudo nas envolventes das escolas. Durante esta semana, em cerca de 20 localidades do país, voluntários organizaram passeios para conquistar esse espaço. Na segunda-feira, dia 23, assinala-se o Dia Nacional da Segurança Infantil.

O Kidical Mass tem as suas origens em Oregan, nos Estados Unidos, no ano de 2008, mas a iniciativa portuguesa foi adaptada a partir da Alemanha, que começou a fazer estas ações em 2017. O nome provém da junção de três palavras: "kid", que significa criança; "critical", que significa crítica; e "mass", que se traduz para massa. Ou seja, o significado do nome deste evento pode ser interpretado como "massa crítica" ou "massa pensante".

"Obviamente que quando criamos espaço para as novas gerações, estamos a criar espaços para todos. Por isso, quando pensamos nas necessidades das crianças, pensamos nas necessidades de todos. Se a cidade for segura para as crianças se movimentarem, certamente será segura para toda a gente", afirma Liliana Madureira, da Associação Para a Promoção da Segurança Infantil (APSI), que está ligada a este projeto.

O Kidical Mass é construído, essencialmente, com o trabalho de voluntários espalhados pelo país. "Nós lançamos este repto para cada um organizar localmente a sua massa crítica. Por isso, fazemos como manifestações porque não temos financiamento", explica.

O projeto tem sete grandes reivindicações. Criar "envolventes escolares seguras e livres de poluição do ar, ruído e tráfego motorizado de atravessamento", implementar "rotas seguras para as escolas", criar "leis de trânsito rodoviárias amigas da criança, com uma "Visão Zero" como premissa máxima", impor um "limite de 30km/h nas localidades e ruas com pessoas", construir "ciclovias largas, contínuas e com cruzamentos seguros, em estradas principais" e criar "mais espaço público dedicado à mobilidade ativa e para estar/brincar".

Promover a criatividade dos participantes

O evento está a decorrer pela primeira vez este ano em Portugal, com 20 localidades inscritas, entre 13 e 22 de maio. Este sábado, decorreu um passeio que começou nos Bombeiros Voluntários de Cacilhas, em Almada.

PUB

Évora, Oeiras e Figueira da Foz têm eventos agendados para amanhã, domingo. Liliana Madureira explica que "existem outros eventos associados dentro destes passeios como a apanha do lixo, piqueniques ou até concertos". A ideia é que "cada comunidade tenha a sua vida".

Qualquer pessoa pode inscrever a sua localidade para participar neste evento através do site Kidical Mass. Tudo o que tem de fazer é escolher o dia, hora, local de partida e definir um percurso que seja acessível a crianças de todas as idades.

A organização recomenda que o passeio termine perto de um local em que se possa fazer um piquenique de convívio e envolver as crianças em atividades onde elas possam fazer cartazes e desenhos de como deveriam ser as ruas.

O propósito do Kidical Mass é dar a oportunidade às crianças e aos adultos de poderem usar modos ativos, livres de poluição (como as bicicletas, patins, skates ou até caminhar) nas suas deslocações diárias. A APSI revela que esta iniciativa vai ser repetida nos dias 24 e 25 de setembro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG