Exclusivo

Corrida aos autotestes leva comércio a limitar vendas

Corrida aos autotestes leva comércio a limitar vendas

Procura subiu de 20 mil para meio milhão por semana. Stock reposto está sempre a esgotar, sobretudo em Lisboa, Porto e Braga. Ministra espera recorde de infeções em breve.

O primeiro-ministro aconselhou os portugueses a fazerem pelo menos um teste antes da consoada, mas a recomendação será difícil de cumprir, sobretudo nas grandes cidades. A venda de autotestes nos supermercados portugueses subiu de 20 mil para meio milhão por semana, o que leva a ruturas de "stock" constantes. Há várias cadeias de supermercados que estão a limitar a venda a 10 ou 15 unidades por cliente.

"Há um mês, com as declarações do primeiro-ministro e com a necessidade de haver testagem para entrar em sítios, estávamos a vender 16 a 20 mil testes por semana e, de repente, passamos a vender mais de meio milhão", revela Gonçalo Lobo Xavier, diretor-geral da Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG