Primeiro-ministro

Costa recebe Sánchez e Conte e depois vai à Holanda

Costa recebe Sánchez e Conte e depois vai à Holanda

O primeiro-ministro vai receber em Lisboa os chefes dos governos de Espanha e Itália, na segunda e terça-feira, e desloca-se a Haia, no dia 13, para uma reunião com o líder do executivo holandês, Mark Rutte.

Estes encontros bilaterais de António Costa, segundo fonte oficial do executivo português, inserem-se na preparação da próxima reunião do Conselho Europeu, nos dias 17 e 18 em Bruxelas, e destinam-se a alcançar rapidamente um acordo em torno das propostas da Comissão Europeia de Quadro Financeiro Plurianual (2021/2027) e de fundo de recuperação económica e social - programa este que envolve 750 mil milhões de euros.

No início da próxima semana, António Costa recebe em São Bento Pedro Sánchez e Giuseppe Comte, líderes de governo de dois dos países mais atingidos pela covid-19 e que têm estado na mesma linha política de Portugal em defesa de uma resposta ambiciosa da União Europeia para fazer face às consequências sanitárias, económicas e sociais da pandemia.

Depois, quatro dias antes da reunião do Conselho Europeu, António Costa encontra-se com Mark Rutte, primeiro-ministro de um dos Estados-membros que mais se têm levantado obstáculos às propostas da Comissão Europeia, juntamente com a Áustria, Dinamarca e Suécia.

Apesar das diferenças de posicionamento entre Portugal e a Holanda na União Europeia, António Costa tem uma boa relação pessoal com Mark Rutte, tendo já sido recebido em Haia no início do seu mandato como primeiro-ministro, em 2016. Por sua vez, o chefe do Governo holandês também já realizou uma visita oficial a Portugal.

Outras Notícias