Nacional

Crescimento económico de pelo menos 3 a 3,5% é decisivo, diz Passos Coelho

Crescimento económico de pelo menos 3 a 3,5% é decisivo, diz Passos Coelho

O líder do PSD disse hoje ser decisivo um crescimento económico de pelo menos "3 a 3,5% nos próximos dois, três anos", alertando que sem isso "não há pacotes de austeridade que valham".

Durante uma intervenção no Clube dos Pensadores que hoje decorre em Gaia, Pedro Passos Coelho considerou ser "preciso apostar no crescimento da economia".

"E para pôr a economia a crescer temos que olhar para as PME (pequenas e médias empresas), para as condições de canalizar recursos financeiros para essa actividade, e fazer a aposta no empreendedorismo, valorizar o mérito, pôr de lado a batota e dar incentivo quer à entrada de capitais externos mas depois queremos que aqueles que estão cá possam ser bem sucedidos", explicou.

"Este olhar para o lado do crescimento da economia é decisivo para nós podermos pôr a nossa economia a crescer pelo menos três ou 3,5 por cento nos próximos dois a três anos", segundo Passos Coelho.

E avisou: "Isto é decisivo para nós. Se o não fizermos não há pacotes de austeridade que valham".