CDS-PP

Cristas é cabeça de lista por Lisboa nas legislativas

Cristas é cabeça de lista por Lisboa nas legislativas

Assunção Cristas vai ser a cabeça de lista por Lisboa nas eleições legislativas de 6 de outubro. A líder do CDS escolheu dois independentes para Coimbra e Leiria.

O CDS é o primeiro partido a avançar com os cabeças de lista para as legislativas, cujos nomes foram aprovados esta sexta-feira em Conselho Nacional.

A líder avança por Lisboa - onde foi candidata à Câmara em 2017, conseguindo ultrapassar o PSD (20,5%) - substituindo Paulo Portas, que foi cabeça de lista pela capital em 2015, nas listas conjuntas com o PSD.

Por Leiria, onde Cristas foi cabeça de lista em 2015, concorre como independente Raquel Abecassis, ex-jornalista da Rádio Renascença, que já disputou pelo CDS a junta de freguesia das Avenidas Novas em Lisboa. O segundo cabeça de lista independente, também ex-jornalista da RTP, é Rui Lopes da Silva que avança por Coimbra.

Cecília Meireles será a cabeça de lista pelo Porto, substituindo Pedro Mota Soares que é candidato nas europeias de 26 de maio.

Os primeiros nomes da lista a serem conhecidos primam pela continuidade, havendo nove atuais deputados que serão cabeças de lista. Além de Cristas e Cecília Meireles, Nuno Magalhães será repetente por Setúbal, tal como João Almeida por Aveiro, Telmo Correia por Braga e Hélder Amaral por Viseu. João Rebelo encabeça a lista por Faro (há quatro anos foi Teresa Caeiro, que pediu para se afastar das listas), Patrícia Fonseca vai por Santarém e Filipe Anacoreta Correia encabeça a lista de Viana do Castelo em vez de Abel Batista.

O partido sublinha ainda a aposta na juventude ao escolher o jornalista Sebastião Bugalho, de 23 anos, em sexto lugar na lista por Lisboa e Melissa Silva, de 27 anos, como candidata pelo Círculo da Europa.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG