Madeira

Deputado do PND leiloa cartão parlamentar

Deputado do PND leiloa cartão parlamentar

O deputado do PND colocou à venda, em leilão na Internet, o seu cartão parlamentar, como forma de protesto. A base de licitação é de 100 euros.

A 20 de Abril, em conferência de imprensa, José Manuel Coelho, anunciou que pelo facto de ter sido arrastado pelos agentes da PSP no cortejo da Festa da Flor, que o impediram de entregar um ramo de cravos ao primeiro ministro "num acto simbólico e de democracia", iria colocar o cartão de livre trânsito de deputado à venda.

Salientou que as autoridades policiais não respeitaram o direito, inscrito no verso do cartão, de "livre-trânsito em locais públicos de acesso condicionado, no exercício das funções ou por causa delas".

Nessa altura declarou: "este é um cartão sem qualquer valor, só se for apenas para um museu, por isso vou vendê-lo porque não tem qualquer interesse".

À venda por um preço inicial de 100 euros, o cartão ainda não foi licitado.

Outras Notícias