Exclusivo

Derrapagem no plano de combate à sinistralidade

Derrapagem no plano de combate à sinistralidade

Executadas 35% das ações do Plano Estratégico Nacional de Segurança Rodoviária 2020. Estratégia Visão Zero 2030 está agora a ser delineada.

A dois meses do final do prazo, só 35% do Plano Estratégico Nacional de Segurança Rodoviária (PENSE 2020) estava executado. Uma avaliação feita no âmbito da nova estratégia para 2030, a Visão Zero, fala de medidas canceladas e atrasadas ou em falta de dados necessários para avaliar a execução. Refere também a falta de financiamento, de recursos humanos e de empenho pelas entidades envolvidas.

Canceladas foram ações como um concurso multianual de segurança e prevenção rodoviária e a aplicação em estradas municipais do método EuroRAP, que avalia a qualidade das vias. Quanto à segurança dos veículos, foi chumbada a discriminação positiva da compra de veículos mais seguros e não chegou a avançar a instalação, em veículos já existentes, de sistemas de chamadas de emergência (só existe um relatório técnico).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG