Exclusivo

Dez mil portugueses já pediram reforma aprovada em 24 horas

Dez mil portugueses já pediram reforma aprovada em 24 horas

Dez mil pessoas recorreram ao serviço online para pedirem a reforma, mas apenas 1400 cumpriam critérios para resolução em 24 horas.

A Segurança Social já recebeu dez mil pedidos de reforma através do "Pensão na Hora", uma ferramenta digital disponível há cerca de quatro meses para simplificar e acelerar o processo de atribuição da pensão de velhice. No entanto, até ao início do mês, apenas 14% dos pedidos foram deferidos automaticamente, ou seja, nas 24 horas seguintes à entrada do requerimento, por cumprirem todos os critérios de acesso à pensão provisória.

Os dados foram fornecidos ao JN pelo Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social (MTSSS), que adiantou ainda que, nos casos em que não se verifica o cumprimento dos requisitos, o pedido é posteriormente analisado pelos serviços da Segurança Social, sendo possível acompanhar online a evolução do estado do processo. Assim, dos dez mil pedidos, três mil já se encontram concluídos. Desses, em 1400 casos, a aprovação ocorreu nas 24 horas seguintes à submissão. Há ainda mais 1234 requerimentos por deferir, por se tratar de pedidos de reforma antecipada.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG