Exclusivo

"Dia da Liberdade" britânico pressiona Portugal para abrir

"Dia da Liberdade" britânico pressiona Portugal para abrir

O fim da obrigatoriedade das restrições no Reino Unido lança os países europeus na preparação do regresso à normalidade. A estratégia não é consensual entre os cientistas, que pedem uma reabertura gradual e medidas mais simples.

19 de julho de 2021: esta segunda-feira marca o retorno da "normalidade" ao Reino Unido em pandemia, já conhecido como "Dia da Liberdade". É difícil antecipar se o desconfinamento britânico, sem obrigatoriedade do uso de máscara (na rua ou nos espaços fechados), sem limites nos ajuntamentos e eventos, com o retorno à capacidade total em restaurantes e a reabertura de discotecas, será algo permanente ou passageiro.

Em Portugal, o ritmo de vacinação (36% já tem as duas doses) e o "cansaço generalizado de profissionais de saúde e população" torna urgente a preparação para uma "fase de transição", com menos restrições, defendem os especialistas ouvidos pelo JN. Contudo, o exemplo "arriscado" em terras de Sua Majestade não convence todos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG