Ensino Superior

Dia Internacional da Juventude celebrado com roteiro nacional de promoção do Erasmus+

Dia Internacional da Juventude celebrado com roteiro nacional de promoção do Erasmus+

A celebração do dia internacional da juventude vai arrancar, esta sexta-feira, em Ponte de Sor, Portalegre, com um roteiro promovido pela Agência Nacional Erasmus+ Juventude em Ação (AN E+ JA). Esta entidade, responsável pela gestão, em Portugal, do Programa Erasmus+ nos domínios da juventude e do desporto e pela gestão e execução das atividades do Programa "Juventude em Ação", entende este percurso como um meio de difusão.

No decorrer de cerca de 30 sessões por todo o país, tentarão promover as oportunidades que este programa comunitário, vocacionado para a juventude e desporto, tem para oferecer aos estudantes nacionais, de acordo com Luís Alves, diretor nacional da AN E+ JA.

Os valores e os princípios do programa, a agenda ambiental e o combate às alterações climáticas, a temática da transição digital pela melhoria da competitividade do tecido empresarial português, a participação dos jovens na vida pública e associativa e a inclusão serão alguns dos assuntos abordados nessas paragens.

PUB

A AN E+ JA vai marcar presença em espaços públicos, mas também em escolas, quando o ano letivo tiver o seu início em meados de setembro. A presença será suportada por municípios, por associações e pelo Eurodesk (que conta já com 80 membros). O Eurodesk é uma organização de suporte ao Programa Erasmus+ e procura tornar a informação relativa a mobilidade estudantil acessível e compreensível a jovens estudantes que possam não estar familiarizados com os termos técnicos do programa.

O JN apurou, ainda, que o roteiro que atravessará os 18 distritos passará, também, pelos Açores e pela Madeira. Nas ilhas, a AN E+ JA está ainda a acordar os termos da sua visita de maneira a que o maior número de ilhas seja abrangido.

Valores recorde em Portugal

Em 2022, Portugal vai auferir de 10 milhões de euros no âmbito do Programa Erasmus+, um valor recorde no país e um milhão acima do que beneficiamos em 2021.

O Programa Erasmus+ 2021-2027, aprovado também o ano passado, contempla um orçamento superior a 26 mil milhões de euros, complementado com cerca de 2200 milhões de euros provenientes dos instrumentos externos à União Europeia (UE). Este aumento significativo (a edição anterior previa 14,7 mil milhões de euros), irá levar Portugal a beneficiar de 77 milhões de euros pelo Programa Erasmus+ e 25 milhões de euros pelo Corpo Europeu de Solidariedade até 2027, segundo o presidente da AN E+ JA Luís Alves.

Dos diversos programas disponibilizados, que, ao momento, contam com 12111 participantes, 17% abrangem jovens e instituições do Interior do país. Já os jovens com menos oportunidades atingem metade deste investimento, o que reforça a forma descentralizada como são geridos os programas.

Quanto aos projetos de voluntariado, com verbas de 4,5 milhões de euros, a taxa de participantes com menos oportunidades estabeleceu-se nos 86%, abrangendo 537 participantes. Por outro lado, os projetos solidários no valor de 600 mil euros cobriram 81 projetos com 432 participantes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG