Em Atualização

Doente vindo de Milão não tem coronavírus. Teste deu negativo

Doente vindo de Milão não tem coronavírus. Teste deu negativo

Deu negativo para coronavírus o teste efetuado a um homem proveniente de Milão e internado no Hospital de São João, no Porto.

O resultado foi anunciado esta segunda-feira de manhã pela Direção-Geral de Saúde, sublinhando que "resultou negativo após realização de análises laboratoriais pelo Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge (INSA), com duas amostras biológicas negativas."

Este é o 13.º caso suspeito de infeção com Covid-19 detetado em Portugal. Todos foram negativos.

O único caso de um português infetado com o Covid-19 é o de Adriano Maranhã, um cidadão da Nazaré que está isolado numa cabine do Diamond Princess, um navio de cruzeiro atracado em Yokohama, no Japão.

A diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, tinha dito à Lusa no domingo que o internamento deste homem suspeito de infeção com coronavírus era "apenas por precaução", sublinhando que a DGS está "atenta à situação", particularmente ao país de origem do doente.

"Estamos a acompanhar atentamente a situação em Itália, que está circunscrita a algumas zonas, não ao país inteiro", adiantou Graça Freitas.

Reconhecendo que "muitas pessoas de Portugal estiveram em Itália nos últimos dias, nas últimas semanas, sobretudo nos últimos 14 dias, que são os dias que interessam,", a diretora-geral da Saúde fez questão de "deixar uma palavra de tranquilidade a estas pessoas, mas dizer-lhes também que estejam atentas".

"Se estão assintomáticas, [devem] estar atentas ao aparecimento eventual de sintomas, sobretudo se estiveram com doentes em Itália", disse Graça Freitas.

Insistindo para que "as pessoas se mantenham tranquilas", a diretora-geral da Saúde sublinha que quem eventualmente tenha sintomas - que incluem febre, dores no corpo e cansaço - deverá contactar a linha SNS24 através do número 808 24 24 24.

O número de mortos devido ao coronavírus Covid-19 subiu para 2.592 na China continental e foram reportados 409 novos infetados, quase todos na província de Hubei, enquanto a maioria do país não contabilizou novos casos.

Há também vítimas mortais no Irão, Japão, Hong Kong, Coreia do Sul, Itália, Filipinas, França, Estados Unidos e Taiwan.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG