Política

Eduardo Vítor Rodrigues eleito líder da distrital PS/Porto com 98% dos votos

Eduardo Vítor Rodrigues eleito líder da distrital PS/Porto com 98% dos votos

O presidente da Área Metropolitana do Porto e da Câmara de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, foi este sábado eleito para a liderança da Federação Distrital do PS/Porto com 98% dos votos.

Além do socialista Eduardo Vítor Rodrigues, que concorreu pela Lista A, na corrida estava o empresário João Pedro Pereira, pela Lista B, que obteve 2% dos votos.

De um universo total de cerca de 9.500 eleitores, votaram 6.078, tendo Eduardo Vítor Rodrigues obtido 5.848 votos e João Pedro Pereira 168.

PUB

"É um resultado muito significativo e, mais importante do que a vitória, é o volume de participação, o que muitas vezes nos partidos não é muito simples de garantir, sobretudo numa altura em que não há contexto de eleições, nem grande disputa por listas", disse Eduardo Vítor Rodrigues.

Segundo o autarca socialista, os resultados traduzem-se em 497 delegados da Lista A com assento no congresso e cinco da Lista B.

"Há uma mobilização em torno da lista que encabeço, o que traz uma responsabilidade adicional para corresponder à confiança que os militantes depositaram em nós", salientou.

Sobre as propostas para o mandato de dois anos à frente da distrital, destacou "a abertura do partido a alguns setores que muitas vezes parecem mais distantes da politica, nomeadamente os mais jovens" e também "a criação dentro da própria direção do partido de estruturas com ligação muito direta à sociedade civil".

Ao nível interno, está prevista a reabilitação da sede distrital do PS/Porto "e o aprofundamento da capacidade reivindicativa junto da estrutura nacional do PS".

A liderança da Federação Distrital do PS do Porto estava entregue, desde 2016, a Manuel Pizarro, que tomou posse como ministro da Saúde em setembro.

A concretização da candidatura à federação distrital pelo autarca de Gaia surgiu depois de Manuel Pizarro ter assumido a pasta da Saúde, substituindo no cargo Marta Temido.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG