Exclusivo

Emigrantes estão de regresso. E em força

Emigrantes estão de regresso. E em força

Regressam eufóricos após o jejum de férias imposto pela covid-19. Esperados 30 mil carros este sábado e no domingo em Vilar Formoso.

Pedro Marques, de 45 anos, a mulher, Catarina, e as três filhas já saíram do Luxemburgo com a ideia fixa de pararem em Vilar Formoso para a primeira refeição em território português. Com a leveza de quem entrou em casa, sentaram-se na esplanada do primeiro restaurante que encontraram, e, mesmo antes do pedido, aceitaram falar do que trouxeram na bagagem.

"Três semanas de férias e muita saudade", atirou Pedro, sem esconder o cansaço de uma viagem de 18 horas e 2000 quilómetros. "Há três anos que não vínhamos a Portugal, porque no ano passado a covid reteve-nos em casa e em 2019 passámos férias em França", completou Catarina, de 40 anos, que há uma década vive e trabalha no país que possui o salário mínimo mais elevado da União Europeia (2201 euros). "A minha filha mais nova já nasceu no Luxemburgo", acrescentou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG