Protesto

Empresários em greve de fome só aceitam reunir com quem possa tomar decisões

Empresários em greve de fome só aceitam reunir com quem possa tomar decisões

O primeiro-ministro enviou convite para acabar com "impasse" da greve de fome que dura há seis dias em frente à Assembleia da República.

O primeiro-ministro apelou ao "fim do impasse" e convidou José Gouveia, porta-voz do movimento "A Pão e Água" a reunir, esta quinta-feira, com os secretários de Estado do Comércio e do Turismo. Mas não vai haver encontro, uma vez que os empresários da restauração, em greve de fome há seis dias, só aceitam reunir ao mais alto nível.

"Já falámos com assessores, que tomaram nota de tudo e nada aconteceu, portanto só vale a pena reunir com quem decide, ou Costa ou Siza Vieira", explicou o empresário João Sotto Mayor, em nome de José Gouveia.

"Apelo a que não se prolongue esta situação de impasse, que não nos vai levar a lado nenhum. Os problemas resolvem-se dialogando e encontrando soluções, sendo que as soluções não são o infinito. São as que são possíveis em cada momento", tinha dito António Costa, na manhã desta quarta-feira.

Sobre as reivindicações do movimento, o primeiro-ministro rejeitou desde logo a pretensão de os restaurantes reabrirem em horário normal e de aliviar as restrições no acesso aos apoios.

"São restrições que eliminam à partida uma série de empresas, parecem feitas para que ninguém aceda aos apoios", queixou-se Sotto Mayor.

PUB

O governante esclareceu que a restauração e os bares já receberam apoios de "1100 milhões de euros, metade dos quais a fundo perdido" e que o programa "Apoiar", que já recebeu 26 mil candidaturas, tem mais 750 milhões de euros de ajudas a fundo perdido. Sobre o pedido dos empresários relativo à isenção de Taxa Social Única (TSU), o primeiro-ministro lembrou que o setor dos bares, "que não pode trabalhar por força da lei, tem a possibilidade de se manter ao abrigo do regime de lay-off simplificado - e nesse caso tem isenção total de TSU".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG