Exclusivo

Encerramento dos restaurantes afunda negócio da lampreia

Encerramento dos restaurantes afunda negócio da lampreia

Safra começou com o preço em baixo. Compradores oficiais suspenderam habitual acordo à espera das novas restrições.

A safra da lampreia começou a 1 de janeiro, promissora em termos de quantidade de peixe, mas pouco animadora quanto ao preço de mercado. Na primeira semana, a unidade foi paga ao pescador, pelos intermediários, a 20 euros (lampreia grande) e a 10 (pequena). Os próximos dias vão ditar se 2021 será (mais) um ano a esquecer para as 154 embarcações portuguesas licenciadas na faina deste ano. "Se a restauração parar, certamente vamos parar todos", afirma Augusto Porto, presidente da Associação de Pesca Profissional do Rio Minho e Mar.

A associação de pescadores do Minho fala em especulação assente no monopólio do mercado por parte de uns poucos compradores e agora também na retração dos restaurantes em adquirir o produto por causa da pandemia. Os últimos dias já foram de dificuldade.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG