O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Envio de doentes para cirurgia no privado sobe 96%

Envio de doentes para cirurgia no privado sobe 96%

Sem capacidade de resposta para operar os doentes dentro dos tempos máximos recomendados, os hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) emitiram 250 924 vales-cirurgia e notas de transferência em 2018. É um aumento de 96% face ao ano anterior e um número nunca antes visto. A greve dos enfermeiros às cirurgias programadas em cinco hospitais, no final do ano passado, será uma das explicações para a brutal subida.

O número consta do Relatório sobre o Acesso a Cuidados de Saúde nos Estabelecimentos do SNS e Entidades Convencionadas de 2018, a que o JN teve acesso. O documento, que devia ter sido fechado no final de maio, chegou na semana passada às mãos dos deputados da Assembleia da República.

Num movimento contrário ao que o Ministério da Saúde pretendia - internalizar os cuidados no SNS - , o recurso aos cheques-cirurgia tem aumentado significativamente desde 2016, ano em que atingiu um dos valores mais baixos de sempre (81.829).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG