O Jogo ao Vivo

Calendário

Época de caça abre este domingo com restrições à rola

Época de caça abre este domingo com restrições à rola

Abre este domingo, para cerca de 115 mil caçadores, a época de caça às rolas, patos e pombos.

A grande novidade do calendário venatório deste ano são as restrições à caça da rola-brava, dita comum, mas que de comum tem já muito pouco. Face à diminuição da população, só se vai poder caçar, até ao fim de agosto, entre o nascer do Sol e as 13 horas.

Uma medida que faz parte de um plano mais abrangente de preservação da espécie. De acordo com o memorando de entendimento assinado no final de julho entre o Governo, organizações do setor da caça e organizações não governamentais, na época venatória de 2020-2021, a jornada de caça será reduzida a quatro dias por ano, em dias a determinar por portaria.

Um plano que vai mais longe, concretamente à vizinha Espanha, prevendo-se que "a redução da jornada da caça à rola possa ser estendida à Península Ibérica, para os anos 2020-2021 e seguintes". O objetivo, explica ao JN o presidente da Fencaça - Federação Portuguesa de Caça, é que a partir dessa altura a caça à rola fique limitada a quatro dias por ano, até às 13 horas, tanto em Portugal como em Espanha.

Jacinto Amaro revela ainda que "Marrocos está disponível para participar no estudo, com Espanha, para sabermos onde estão os problemas, porque não podemos proibir por proibir". Feito o estudo, segue-se um plano de intervenção.

Caça ao javali reforçada

Já a caça ao javali foi alargada até 30 setembro. Com a Europa e Portugal em estado de alerta por causa da peste suína africana, "e sendo o javali uma espécie que dissemina a doença, quantos menos javalis, menor o impacto caso a doença chegue a Portugal", sublinha o presidente da Fencaça.

Universo de caçadores

São 240 mil os caçadores habilitados em Portugal, isto é, com carta de caçador e licença de uso e porte de arma. Caçadores com licença de caça são cerca de 115 mil.

Caça à perdiz

A 1 de setembro, arranca a caça à codorniz, que termina a 30 de novembro. Já a caça à lebre e ao coelho-bravo começa na mesma altura, mas prolonga-se até ao final do ano. A caça à perdiz e ao faisão, por sua vez, abre a 1 de outubro e termina a 31 de janeiro, enquanto a da raposa abre na mesma altura mas fecha a 29 de fevereiro.