Premium

Escolas esperam instruções para justificar faltas devido ao coronavírus

Escolas esperam instruções para justificar faltas devido ao coronavírus

As escolas estarão dispostas a "aceitar justificações de faltas para situações excecionais, como a que decorre da epidemia do coronavírus".

No entanto, seria "bom que o Ministério da Educação esclarecesse se os estabelecimentos de ensino têm autonomia para decidir" se um documento dos pais sob compromisso de honra basta ou se será exigível atestado médico. Filinto Lima, presidente da Associação Nacional de Diretores de Agrupamentos e Escolas Públicas, garante que os responsáveis estão "atentos ao site da Direção-Geral de Saúde (DGS)" para acompanhar as diretrizes.

Não falta sabão

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG