O Jogo ao Vivo

Premium

Cidades (re)descobertas à boleia do skate

Cidades (re)descobertas à boleia do skate

As quatro rodas rolam cada vez mais pelos centros urbanos do país, com os skaters a fazer viagens de norte a sul, em busca dos melhores "spots". A modalidade está em voga e as autarquias começam a oferecer condições a uma prática desportiva outrora olhada com desagrado. O caso mais recente é o de Aveiro.

Olham as cidades pelas bases, em busca de "spots" onde possam treinar manobras, sejam elas mais ou menos arriscadas. E percorrem quilómetros à procura de adrenalina e de convívio. Os skaters são, cada vez mais, uma presença bem-vinda às cidades portuguesas. Tanto que as autarquias estão a investir em infraestruturas que possibilitem melhores condições à prática da modalidade. Como em Aveiro, onde o novo "skate park" do Parque dos Amores/Parque da Cidade está, todos os dias, à pinha de gente, mesmo ainda não tendo sido inaugurado.

Nem o facto de ter partido o pé, quando tinha 12 anos, pouco depois de ter aprendido a andar de skate, fez Pedro Rodrigues, hoje com 21, desistir. Resiliência e teimosia são, aliás, características dos amantes do skateboarding. Pedro é presença habitual do novo "skate park" aveirense, onde treina e onde começou , recentemente, a dar aulas da modalidade.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG