Exclusivo

Já há projetos para criar varandas em prédios que nunca as tiveram

Já há projetos para criar varandas em prédios que nunca as tiveram

Pandemia tornou premente o desejo de ligar habitações ao exterior para ganhar qualidade de vida, mas é preciso adequar regulamentos e conseguir financiamento para materializar. O arquiteto espanhol Luís Quintano está a desenvolver o projeto STAYHÖME, uma "ferramenta para melhorar as condições de vida nas periferias" das cidades, ao incorporar varandas nos edifícios existentes.

Luis Quintano não é o único a procurar respostas inovadoras que permitam resolver o problema da conexão do edificado existente com o espaço exterior e, já antes do vírus ter tornado a necessidade tão premente, havia quem ensaiasse passos nesse sentido. Também não é a única solução.

Os edifícios podem ser ligados ao exterior "através de várias estratégias", nomeadamente a "utilização de telhados comunitários", exemplifica Quintano, lançando outra ideia para cima da mesa e sublinhando que "as cidades contemporâneas não estão a aproveitar o enorme potencial desses lugares, tanto para paisagismo, melhorando o caráter bioclimático, quanto para o uso como espaços de lazer e relacionamento entre vizinhos".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG