Exclusivo

Europa dá 118 milhões a Portugal para acolher refugiados

Europa dá 118 milhões a Portugal para acolher refugiados

Apesar de Portugal ser um dos países europeus mais afastados do cenário de guerra na Ucrânia, o valor atribuído pela Comissão Europeia para acolhimento e realojamento de refugiados daquele país já se cifra em, pelo menos, 63,7 milhões de euros, de um total de 118 milhões de euros que Portugal vai ter disponíveis para acolhimento de expatriados.

A maior fatia das verbas atribuídas pela Comissão Europeia diz respeito ao mecanismo Ação da Coesão em Favor dos Refugiados da Europa (CARE), que se destina em exclusivo a pessoas que fogem da guerra da Ucrânia. "A Comissão pagou mais de 3,5 mil milhões de euros adiantados aos Estados-membros para os ajudar a gerir a chegada ao seu território de pessoas que fogem da guerra na Ucrânia", divulgou o executivo comunitário, em abril.

Os principais beneficiários do CARE são os países que receberam mais refugiados, concretamente a Polónia (562 milhões de euros), Itália (452 milhões), Roménia (450 milhões), Espanha (434 milhões) e Hungria (299 milhões). Portugal teve direito a 63,7 milhões.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG