Lisboa

Famílias fazem piqueniques na Alameda à espera da festa do 1.º de Maio

Famílias fazem piqueniques na Alameda à espera da festa do 1.º de Maio

A comemoração do 1.º de Maio levou muitas famílias ao relvado da Alameda Afonso Henriques, em Lisboa, esta quarta-feira, que aproveitaram o sol para fazer piqueniques até à hora dos discursos políticos.

"Há cada vez menos gente de ano para ano", diz Fátima Rebelo, 59 anos, que faz questão de não falhar a manifestação do 1.º de Maio na Alameda Afonso Henriques, em Lisboa. "Há é muitas cabeças brancas, não é?", acrescenta em conversa com o JN, referindo-se aos participantes, cada vez mais de idade mais avançada.

A praça, convertida num misto de romaria, feira popular e espaço de piqueniques estava a um terço da ocupação cerca das 15 horas, antes da chegada dos representante sindicais. Veem-se muitas famílias, três gerações. Fátima veio com a filha e o neto e esperava pelo filho e a namorada. Sempre lhes explicou a importância do 1.º de Maio e acha que a nova geração, de uma forma geral, "dá tudo por adquirido". Quer que os filhos e os netos pensem diferente.

Belmira Rodrigues é outra das avós que está a festejar o Dia do Trabalhador em família. Tem 56 anos e está na Alameda com duas filhas, genros e netos. Montaram mesa e fizeram piquenique. "Venho pela festa política".

As comemorações do Dia do Trabalhador promovidas pela CGTP decorrem em todos os distritos e nas regiões autónomas e incluem concentrações e manifestações, provas desportivas e eventos culturais e de convívio. No entanto, o ponto alto é a tradicional manifestação de Lisboa, com partida do Martim Moniz e comício sindical na Alameda Afonso Henriques.

O desfile irá contar com a participação do secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, e da coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins. Uma delegação do PS, constituída por Maria Antónia Almeida Santos e Porfírio Silva, irá cumprimentar a direção da CGTP, antes da saída do desfile do Martim Moniz.

A Intersindical também realiza uma manifestação-comício no Porto, na Avenida dos Aliados, ao início da tarde.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG