Consumo

Famílias tinham há dez anos mais 175 euros para gastar no Natal

Famílias tinham há dez anos mais 175 euros para gastar no Natal

Perda de poder de compra prolonga-se há uma década. Intenções de gastos no Natal duplicaram de valor, em grande parte alimentadas pelo crédito.

O rendimento médio mensal disponível das famílias, corrigido pela inflação, é atualmente 175 euros inferior ao de 2009. Embora muitos portugueses possam ter a sensação de que ganham mais, olhando para a sua folha salarial ou outros proventos, a verdade é que, se for tido em conta o natural aumento do custo de vida, o rendimento disponível dos agregados caiu de 2554 para 2379 euros no espaço de dez anos.

Precisamente em 2009, os portugueses estimavam despender cerca de 180 euros com compras específicas para a época do Natal, segundo a consultora Gfk, quando, este ano, segundo o Observador Cetelem, a despesa ascenderá aos 388 euros.

Ler mais na edição impressa ou na versão e-paper

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG